BureauCoop: o novo mundo digital do cooperativismo de crédito

O cooperativismo de crédito tem ganhado mais espaço a cada ano. Ao criar soluções financeiras para milhares de cooperados, o setor tem ajudado pessoas que não conseguiam acesso ao crédito através de meios tradicionais. Além disso, com a pandemia, as cooperativas tornaram-se um exemplo de como operar através de meios digitais, garantindo o pleno oferecimento de seus serviços para os cooperados e colaboradores. Com esse crescimento, o volume de informações exclusivamente desse ramo cresceu exponencialmente, e a partir disso, foi lançada hoje (15), a BureauCoop, uma plataforma que agrega dados do cooperativismo de crédito brasileiro.

A plataforma criada em conjunto pela Confebras e o Banco Central, irá juntar informações do ramo de crédito, em um site intuitivo que será carregado com informações do Banco Central. Através dele, o público terá acesso a informações sobre a abrangência do setor, a localização e o número de cooperados e ainda, os postos de atendimento das cooperativas. Além disso, a plataforma trará análises sobre o perfil dos cooperados, dados históricos do crescimento do cooperativismo de crédito e outras informações que facilitarão o acesso ao volume de informações emitidas sobre esse ramo.

A MundoCoop conversou com exclusividade com Kedson Macedo, Presidente da Confebras, sobre a nova plataforma, seu processo de criação e como ela será uma importante aliada no acesso à informação.

Confira a entrevista na íntegra!

Como surgiu a ideia de lançar a plataforma BureauCoop? Qual o seu diferencial?

A Confebras tem como missão institucional fortalecer o Cooperativismo de Crédito no Brasil e está sempre antenada para evoluir com soluções que atendam seus filiados, as lideranças cooperativistas e o público em geral.

O Cooperativismo de Crédito ainda é pouco conhecido da sociedade brasileira. Temos atualmente 12,8 milhões de associados, sendo 10,9 milhões pessoas físicas, para uma população total de 212 milhões de habitantes, segundo dados recentes do IBGE.

Grande parte deste “desconhecimento” deve-se ao fato de que, até o momento, as entidades responsáveis pelo fortalecimento institucional do Cooperativismo de Crédito não terem materializado ações intercooperativas que comuniquem seus valores, princípios e benefícios. Algo semelhante ao que o setor do agronegócio fez, de forma exitosa, com a campanha nacional “Agro é tech, agro é pop”, veiculada na grande mídia.

Percebemos a necessidade de concentrar, em uma única plataforma digital, os principais dados referentes ao Sistema Nacional de Crédito Cooperativo – SNCC. Com base em dados divulgados, e periodicamente atualizados pelo Banco Central do Brasil. Para isso, utilizando ferramentas de Business Intelligence, nosso time desenvolveu o BureauCoop, lançado experimentalmente em novembro/2020, em evento comemorativo aos 34 anos de fundação da Confebras.

Na prática, o BureauCoop é um repositório completo de dados que democratiza o acesso às informações numéricas e geográficas sobre quantidade de associados, ativos, carteira de crédito, depósitos, unidades de atendimento e outros tópicos para quem almejar conhecer o setor.

Responsivo, dinâmico e intuitivo, o novo site tem como base a tecnologia de Business Intelligence e traz os dados de todo o Sistema Nacional de Crédito Cooperativo – SNCC a partir das informações disponibilizadas regularmente pelo Banco Central do Brasil. Uma ferramenta ideal para a pesquisa de docentes, estudantes, prefeitos, lideranças cooperativistas, associados e a imprensa, que obtêm em um único endereço e em bases confiáveis informações numéricas e em infográficos que são uma verdadeira radiografia setorial.

O cooperativismo é um movimento que reúne décadas de histórias e conquistas. Pensando nisso, qual a expectativa da Confebras em relação a plataforma?

A expectativa é que a ferramenta digital, disponibilizada pela Confebras, possibilite à sociedade brasileira conhecer melhor o cooperativismo financeiro, principalmente por meio dos seus números. Graças a essa plataforma, tais dados agora podem ser acessados por toda a população de forma fácil, interativa e transparente. Desde que foi lançada a sua primeira versão, em novembro passado, temos percebido um grande interesse por parte das cooperativas de crédito. E com a versão atualizada que chega agora aos usuários, o número de acessos deve ter um crescimento exponencial.

Qual a importância do acesso à informação e conhecimento a respeito do cooperativismo atualmente? Vocês acreditam que a plataforma vai possibilitar que o movimento alcance uma maior quantidade de pessoas?

Vivemos na Sociedade da Informação, essencialmente informatizada e comunicacional, que evolui principalmente pelos avanços da microeletrônica, tecnologia da informação e multimídia. Adquirir, armazenar, processar e disseminar informações são as metas básicas desse sistema. Aquilo que não se consome como “informação” é desconhecido e relegado a segundo plano. As empresas modernas estruturam suas informações, as disponibilizam para acesso rápido e fazem delas parcela significativa do valor agregado ao seu negócio.

Portanto, no cenário atual, é de extrema importância para o Cooperativismo de Crédito disseminar informações para a gestão dos negócios e a tomada de decisões, além de demonstrar à sociedade brasileira sua relevância como instrumento de cidadania financeira e desenvolvimento das comunidades.

É imperativo, para o fortalecimento do SNCC, que seus números sejam conhecidos e disseminados, pois são o resultado da atuação diferenciada, sólida e útil que as instituições financeiras cooperativistas realizam nos municípios brasileiros, principalmente naqueles de médio e pequeno porte.

O BureauCoop vem justamente para facilitar o acesso a esse tipo de informação a todos os brasileiros. Temos muito a mostrar. A atuação do Cooperativismo de Crédito, especialmente na última década, tem gerado números eloquentes e propiciado força e dinamismo socioeconômico, com o avanço de suas bases de atendimento em regiões longínquas do País, na contramão da atuação das instituições financeiras tradicionais.

Como funciona o processo de busca de dados? Quais são as etapas a serem seguidas?

A plataforma permite ao usuário levantar dados para suprir necessidades específicas, possibilitando analisar a estrutura sistêmica a qual a cooperativa está vinculada; a cooperativa central e os dados que apontam o seu porte financeiro; o perfil dos associados; a categoria da cooperativa; a região do País, o Estado e a cidade de atuação; além do ranking com as 10, 20, 30, 50 e 100 maiores cooperativas brasileiras. Com a reformulação, a versão disponível atualmente do BureauCoop incorporou novas informações e aperfeiçoou as ferramentas de busca, dentro de um layout mais funcional, intuitivo e inteligente.

Dentre as novas funcionalidades disponibilizadas aos usuários estão a Série Histórica, que inclui ativos, carteira de crédito, depósitos, patrimônio líquido, resultados, postos de atendimento, total de cooperativas e número de cooperados dos últimos cinco anos. Ao passar o cursor pelos dados, o usuário poderá visualizar as informações filtradas no painel “Dados Financeiros” e, como incremento da nova ferramenta, terá acesso aos dados recentes, podendo relacioná-los com números dos últimos cinco anos, por exemplo.

A outra aplicação é o Mapa Interativo de toda a rede de atendimento do cooperativismo financeiro, contendo a localização e a densidade dos postos de atendimento do SNCC. O usuário poderá localizar a rede de atendimento com o uso de filtros como Sistema, Cooperativa, Região, Estado, Município e interagindo diretamente no mapa, com endereços disponibilizados pelo BCB.

O cooperativismo tem adentrado cada vez mais o ambiente digital e trazido a inovação para dentro do movimento. A plataforma BureauCoop chegou para ser mais um marco dessa evolução cooperativista?

Com certeza, a transformação digital que o Cooperativismo Financeiro está vivenciando tem um impacto enorme para o movimento cooperativista, sobretudo nas relações que as cooperativas vêm estabelecendo com os associados.

Agregar novas ferramentas de inteligência é um dos caminhos para que o cooperativismo financeiro realize sua importante missão de estímulo à economia e de levar prosperidade aos associados. Iniciativas que agregam inovação, criatividade, credibilidade e acesso fácil são exemplos para que as cooperativas de crédito se modernizem e ofereçam opções tecnológicas avançadas no relacionamento com seus associados e stakeholders.

Como entidade suprassistêmica, a Confebras se sente honrada em oportunizar essa plataforma de amplo espectro para que os brasileiros degustem, se apaixonem e façam adesão total por este movimento transformador de pessoas e comunidades: o Cooperativismo Financeiro.

A live realizada no dia 15/04 de lançamento do BureauCoop está disponível no Canal do Youtube da Confebras.


Por Redação MundoCoop

Compartilhe a notícia:
5k
fb-share-icon15000
20
Pin Share20

1 comentário

  1. Não consigo acessar, vai pra plataforma, mas não abre nenhum dado.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

ERROR: si-captcha.php plugin: GD image support not detected in PHP!

Contact your web host and ask them to enable GD image support for PHP.

ERROR: si-captcha.php plugin: imagepng function not detected in PHP!

Contact your web host and ask them to enable imagepng for PHP.