Sicoob SC/RS é destaque em ranking do Sicoob nacional

Rui Schneider da Silva: gestão focada na eficiência operacional, governança sistêmica e qualificação de funcionários.

O Sicoob SC/RS é destaque no ranking dos melhores desempenhos do Sicoob, o maior sistema de instituições financeiras cooperativas do Brasil, presente em todos os estados e no Distrito Federal. O ranking compara a performance das 16 Centrais do Sicoob, que englobam 475 cooperativas de crédito com mais de 2,6 mil pontos de atendimento – quinta maior rede do país – e mais de 4 milhões de cooperados. O Sicoob SC/RS obteve o primeiro lugar em depósitos totais, com R$ 8,6 bilhões, crescimento de 18,2%; em depósitos a prazo, com R$ 7,2 bilhões, crescimento de 16%; e em número de cooperados, com 816,3 mil, crescimento de 13%. Para o presidente do Sicoob Central SC/RS, Rui Schneider da Silva, “isto é resultado de um trabalho ativo da Central e cooperativas, com foco na eficiência operacional, na governança sistêmica e na permanente qualificação dos funcionários, além de investimentos constantes em segurança e tecnologia”.

Em ativos totais o Sicoob SC/RS obteve o segundo lugar, com R$ 12,5 bilhões, crescimento de 18,5%, mesma classificação para depósitos à vista – R$ 1,3 bilhão (15,6%) – e receitas de prestação de serviços, com R$ 204,8 milhões (24,3%). Em Santa Catarina o Sicoob está presente em 253 municípios (85%), com 438 pontos de atendimento, e também em 29 cidades do Rio Grande do Sul e 20 do Paraná.

O Sicoob SC/RS conquistou o terceiro lugar no ranking do Sicoob nacional em resultados (lucro líquido ou sobras), com R$ 315,9 milhões, crescimento de 20,7%; operações de crédito líquida, com R$ 5,6 bilhões (13,4%) e resultado bruto da intermediação financeira, com R$ 734,8 milhões (19%). Em patrimônio líquido o Sicoob SC/RS obteve o quarto lugar, com R$ 1,9 bilhão (17,5%) e sexto lugar em capital social, com R$ 1,1 bilhão, crescimento de 13,7%.

O Sicoob SC/RS possui ativos de R$ 12,5 bilhões e é a segunda instituição financeira com o maior número de agências em Santa Catarina, além de ser também o segundo maior financiador da produção agrícola. No Rio Grande do Sul, a meta para os próximos anos é instalar agências em todos os municípios com mais de 20 mil habitantes.

Sicoob nacional

O Sicoob, maior sistema de cooperativas de crédito do Brasil, é composto por 475 cooperativas singulares, 16 cooperativas centrais e a Confederação Nacional das Cooperativas do Sicoob (Sicoob Confederação). Integram, ainda, o Sistema, o Banco Cooperativo do Brasil (Bancoob) e suas subsidiárias (empresas de cartões, consórcios, DTVM, seguradora, previdência) provedoras de produtos e serviços especializados para cooperativas financeiras.
O Sicoob oferece os mesmos produtos e serviços de um banco, mas com muitas vantagens, já que os resultados retornam para o bolso do cooperado, que é cliente e dono do negócio. É composto por cooperativas financeiras e empresas de apoio que, em conjunto, oferecem aos associados serviços de conta corrente, crédito, investimento, cartões, previdência, consórcio, seguros, cobrança bancária, adquirência de meios eletrônicos de pagamento, entre outros.

Em 2017 o Sicoob realizou 2,6 bilhões de transações nos canais de atendimento. As transações realizadas por canais digitais já totalizam 71% – sendo 41% realizadas no mobile (celular). O total de ativos do Sistema chegou a R$ 90,4 bilhões, crescimento de 19,2%. Foram destinados às operações de crédito R$ 38,5 bilhões, um aumento de 11,4% em relação ao ano anterior. Os financiamentos rurais e agroindustriais chegaram a R$ 12,3 bilhões (7,3%) e os depósitos totais R$ 55,7 bilhões (crescimento de 16,3%).

A taxa média de juros praticada pelo Sicoob no crédito pessoal foi de 2,2% ao mês (29,7% ao ano), enquanto a média do mercado foi de 3,1% ao mês (44,3% ao ano). A remuneração ao capital social (juros pagos ao capital) foi de R$ 720 milhões. Em 200 municípios brasileiros o Sicoob é a única instituição financeira presente, atendendo cerca de 1,2 milhão de brasileiros que não possuíam atendimento pelo sistema bancário tradicional, elevando assim a inclusão financeira através do cooperativismo de crédito.

Fonte: Sicoob Central SC/RS – Assessoria de Imprensa.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.




*