Portal do Cooperativismo Financeiro Cooperativas do Sicredi no RS decidem selar fronteiras para fortalecer atuação – Portal do Cooperativismo Financeiro

Cooperativas do Sicredi no RS decidem selar fronteiras para fortalecer atuação

As cooperativas Sicredi Região Centro, Sicredi Centro Sul RS e Sicredi Quarta Colônia concretizaram, nesta segunda-feira (1º/12), o processo de União, em Assembleia Geral Extraordinária Conjunta, realizada, no Park Hotel Morotin de Santa Maria. Um marco histórico para a centenária Sicredi Região Centro, que a partir de agora, torna-se a 5ª maior cooperativa de crédito do Estado.

Estiveram presentes dirigentes, executivos, conselheiros, gerentes e coordenadores de núcleo do Sicredi, associados integrantes da Comissão Mista de cada cooperativa e imprensa regional. Na programação, a cooperativa ofereceu um jantar aos participantes e uma palestra sobre histórias de vida, com Jorge Trevisol, de Carlos Barbosa.

A Comissão Mista, formada pelos associados Airton Ribeiro da Silva, Fulvio Machado Piovesan, Euclides Vestena, Odair Simildo Mann, José Renato Machado Mota e Paulo Roberto Borges dos Santos apresentou o parecer favorável à união das cooperativas, com base no parecer da Auditoria Independente emitido pela Confederação Nacional de Auditoria Cooperativa – CNAC e nos dados contábeis com data-base de 30/09/2014. A seguir, os coordenadores (associados que representam os 115 núcleos cooperativos) aprovaram a união, trazendo os votos dos associados.

Conforme os dirigentes da Sicredi Região Centro, Roberto Zorzan, Renato José Marin e Pedro Ubiracy Dias Ferreira a participação dos associados e dos coordenadores de núcleo é fundamental para as definições dos rumos do empreendimento. As decisões são compartilhadas e o que a maioria decide pelo voto é realizado pela cooperativa. Segundo eles, a aprovação do processo de união é mais um exemplo dessa participação.

Com base na Lei Complementar 130/09 e Resolução do CMN 3.859/10, que trata sobre o novo modelo de Governança Corporativa e em razão da união das cooperativas, os associados também aprovaram a reforma e consolidação do Estatuto Social, a adequação à nova Política de Governança Corporativa, e a recomposição do novo Conselho de Administração da Sicredi Região Centro.

A nova cooperativa: Sicredi Região Centro

A ampliação da capacidade patrimonial e operacional, a partir da unificação das estruturas, permitirá à nova cooperativa aumentar o volume de negócios, a participação no mercado, a rentabilidade e a redução de custos. A nova cooperativa contará com mais de 63 mil associados, 20 unidades de atendimento, distribuídas em 18 municípios. São eles: Itaara, São Martinho da Serra, Dilermando de Aguiar, São Pedro do Sul, Toropi, Santa Maria, Lavras do Sul, Santana da Boa Vista, Piratini, Caçapava do Sul, Faxinal do Soturno, São João do Polêsine, Nova Palma, Dona Francisca, Restinga Seca, Formigueiro, São Sepé e Vila Nova do Sul, todos do Estado do Rio Grande do Sul. O patrimônio líquido da cooperativa será de R$ 160 milhões e com R$ 812 milhões em recursos administrados e cerca de R$ 600 milhões na carteira de Crédito.

Conforme Zorzan, o dia a dia dos associados e o relacionamento com a cooperativa não será alterado. A unificação das bases, segundo ele, será feita no final de semana de 13 e 14 de dezembro. O presidente destacou, ainda, que a única mudança será para os associados de Nova Palma, Dona Francisca, Restinga Seca, Formigueiro, São Sepé e Vila Nova do Sul, que terão um novo número de conta-corrente, a partir do dia 15 de dezembro, e que deverão utilizar o novo número da cooperativa (0434 e não mais 0427 e 0442) para realizar as movimentações financeiras. “Os associados não precisam se preocupar com esta mudança e os colaboradores estão à disposição nas unidades para esclarecer eventuais dúvidas”, disse o dirigente.

De acordo com Pedro Ubiracy, os associados aprovaram a união, pois perceberam que este é o caminho para o fortalecimento do cooperativismo de crédito. Disse ainda, que a cooperativa terá um ganho de escala devido ao aumento do volume de operações e recursos; uma maior capacidade patrimonial; otimização de estruturas de conselhos; uma redução de riscos; uma maior sinergia e oportunidades de crescimento; um aumento da competitividade e da capacidade de oferta de crédito; e, sobretudo, uma ampliação na geração de resultados, com mais desenvolvimento para as comunidades.

Conselho de Administração:

  • Presidente do Conselho de Administração: Roberto Zorzan
  • 1º Vice-Presidente do Conselho de Administração: Pedro Ubiracy Dias Ferreira
  • 2º Vice-Presidente do Conselho de Administração: Renato José Marin
  • Conselheiros de Administração Efetivos: Antonio Augusto Piccini Borges, Marcus Vinicius Friedrich, Milvo Antonio Dotto Bevilaqua, Francisco Baracchini Hubner, Lucinara Rizzi, Enio Einloft Scholz, Vilmar de Jesus Fogiato, Luiz Alberto Pereira Teixeira, Lar Luiz Ilha Ramos, Galileu de Mello, Nelson Luiz Piccin, Carlos Eduardo Mota Rodrigues e José Aurélio Saldanha Silveira.
  • Conselheiros de Administração Suplentes: Enio Hubert Tatsch, José Aires Fernandes Dos Santos, Luiz Antonio Vargas De Oliveira, Roberto Paulo Balssan, Maria de Lourdes Dalmazzo Rossato e Fernando Bortoluzzi.

Fonte: R1

1 Comentário em Cooperativas do Sicredi no RS decidem selar fronteiras para fortalecer atuação

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.





*

WordPress spam blocked by CleanTalk.